Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,94 3,94
EURO 4,42 4,42
PESO (ARG) 0,09 0,09

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . .
Dow Jone ... % . . . . .
Espanha 0% . . . . .
França 0,43% . . . . .
Japão 1,86% . . . . .
NASDAQ 0,02% . . . . .
S&P 500 0,31% . . . . .

Justiça aceita denúncia contra dentista acusado de matar gerente do Sicredi

A Juíza da 1ª Vara Judicial da Comarca de Encantado, Jacqueline Bervian recebeu a denúncia do Ministério Público contra homem acusado de matar Jacir Potrich, que era gerente do Sicredi, no município de Anta Gorda. Dessa forma, ele passa a responder como réu no processo criminal. Na denúncia, o MP requereu a prisão preventiva do acusado, que foi negada: "O acusado possui endereço certo, profissão lícita, não sobrevindo aos autos, após sua soltura, nenhum elemento novo que indicasse que vem interferindo nas investigações policiais, seja por meio de poder econômico ou social, ou mesmo que apresente risco de fuga que pudesse comprometer a regular aplicação da lei penal", afirmou a Juíza ao indeferir o pedido. Na fase de investigação do crime, foi decretada a prisão temporária do acusado. O Tribunal de Justiça concedeu habeas corpus para soltura, e determinou a apreensão do passaporte. Para receber a denúncia, a magistrada entendeu que há indícios sólidos que envolvem o denunciado. Conforme a investigação policial, depoimentos apontaram que a vítima e o acusado mantinham animosidade e inimizade. "Quanto aos indícios de autoria, os depoimentos colhidos na fase policial, revelam a animosidade e inimizade entre denunciado e vítima, aliados, especialmente, às imagens do acusado dirigindo-se ao local em que se localiza o quiosque do condomínio e onde estava a vítima e, em seguida, alterando a posição das câmeras de segurança que captariam as imagens da saída desta do ambiente demonstram- se suficientes para, em juízo de cognição sumária, apontar o acusado como suposto autor dos delitos." O Caso A vítima, Jacir Potrich, era gerente do Sicredi há 25 anos na cidade de Anta Gorda. Ele desapareceu no dia 13/11/18. Dois dias após o seu desaparecimento, bombeiros esvaziaram o açude, localizado próximo à sua residência, mas nada foi localizado. Vítima e acusado eram vizinhos e mantinham uma desavença frente a uma dívida. O corpo até hoje não foi localizado.  Processo: 044/21800021010
11/04/2019 (00:00)

Contate-nos

Blanco & Mucelin Advocacia e Consultoria

Avenida Diário de Notícias  400  cj 812
-  Cristal
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90810-080
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.